quinta-feira, agosto 03, 2017

São Bento do Trairi: Prefeito Kêka Araújo inicia exonerações em massa após notificação do TCE
























Após recomendação do Tribunal de Contas do Estado (TCE-RN), a prefeitura de São Bento do Trairi deu início a uma série de medidas de redução de despesas com a folha de pessoal do município, que está ultrapassando em mais de 10% o limite legal.

Tentando se adequar à Lei de Responsabilidade Fiscal, o prefeito Kêka Araújo (PSD) assinou portarias de exonerações de cargos contratados e comissionados de diversas secretarias que compõem a gestão municipal. Entretanto, segundo ele, as demissões não foram necessárias. ''A nossa folha de pagamento não é alta, mas a arrecadação é que está baixa. Só os efetivos e a parte administrativa já chegam no limite prudencial. Mesmo com os cortes não chegamos nem perto do legal'', disse o gestor. 

São Bento do Trairi gasta com servidores 61,32% de toda sua receita, enquanto que a Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) recomenda 51%.

A Secretaria de Administração foi a que mais sofreu com os cortes. Só na pasta a economia foi de R$ 22 mil. Na Saúde e Educação as demissões atingiram R$ 28 mil de redução na folha.

Além das exonerações, o chefe do executivo sãobentense reduziu o seu salário, do vice-prefeito e de auxiliares do primeiro escalão. Ao todo, as medidas chegaram a uma redução financeira de mais de R$ 50 mil, e buscam atender integralmente a recomendação do TCE que advertiu uma diminuição de R$ 77 mil na folha de pagamento do município que gira em torno de R$ 600 mil por mês. Do Blog do Joabson Silva! 


Nenhum comentário:

Postar um comentário