sábado, junho 10, 2017

Enchecão de linguiça: chapa Dilma/Temer é mantida





















Tribunal Superior Eleitoral (TSE) absolveu  ontem (9), por 4 votos a 3, a ex-presidente Dilma Rousseff e o presidente Michel Temer da acusação de abuso de poder político e econômico na campanha de 2014.


Um comentário:

  1. Benedito Ferreira10 de junho de 2017 14:16

    O resultado do julgamento do TSE na noite de ontem, sexta-feira (09), beneficiou os dois integrantes da chapa presidencial: Dilma e Temer.
    Se tivesse ocorrido o contrário, Temer teria perdido o cargo de presidente da República e Dona Dilma teria ficado inelegível por oito anos.
    Agora se anularem o ‘’impeachment’’ que fizeram numa manobra desastrosa contra o País, Dilma voltará ao cargo de presidente da República.

    ResponderExcluir