quarta-feira, maio 10, 2017

Advogados de Lula recorrem ao STJ para que Moro não julgue o ex-presidente




















UOL – Às vésperas do depoimento em Curitiba, a defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva ingressou na noite desta terça-feira (9) com três pedidos de habeas corpus no STJ (Superior Tribunal de Justiça) recorrendo de decisões do TRF-4 (Tribunal Regional Federal da 4ª Região).

Advogados de Lula fizeram três pedidos, no período de 59 minutos. Primeiro, eles argumentam pelo impedimento do juiz federal Sérgio Moro para julgar a ação penal. Em seguida, pedem a autorização para levar equipe própria para gravar todo o depoimento de Lula. No último, alegam a necessidade de adiar o depoimento e de ter acesso total aos documentos do processo.

Segundo o sistema do STJ, os três autos foram remetidos para a Quinta Turma da Corte e serão relatados pelo ministro Félix Fisher.


Nenhum comentário:

Postar um comentário