sábado, junho 03, 2017

Aprovado projeto que proíbe descarte do lixo nos espaços públicos























O projeto de lei que estabelece a proibição do descarte de resíduos sólidos nos espaços destinados ao uso comum dos cidadãos e à circulação de veículos recebeu parecer favorável nesta quinta-feira (01) no plenário da Câmara Municipal de Natal. De iniciativa do presidente da Casa, vereador Raniere Barbosa (PDT), a proposta, votada em segunda discussão, determina que a Prefeitura terá a prerrogativa de regulamentar e designar os órgãos responsáveis pela fiscalização, aplicação das multas e a respectiva cobrança.

"Se jogado no chão, o lixo pode causar enchentes e entupir bueiros, provocar mau cheiro, propiciar a proliferação de animais nocivos e transmissores de doenças (ratos, moscas e mosquitos), poluir o solo e o lençol freático, além do ar, uma vez que é prática comum a queima do lixo em terrenos baldios. Cidades importantes já adotaram medidas de punição há algum tempo. O objetivo é inserir a capital potiguar em uma nova perspectiva", argumentou o presidente Raniere Barbosa. Por Roselie Arruda! 



2 comentários:

  1. O lixo pertence a quem o faz. Os restos de materiais de construção e os entulhos produzidos na edificação ou na reforma da sua casa ou da sua indústria são de sua responsabilidade, e não do poder público. Compete a você limpar o que você sujou. Aquele sujeito que põe o lixo na rua, no espaço público, e que vive distante do mundo civilizado, é um cara mal-educado, seboso e nojento.
    Outro dia passei numa cidadezinha do interior, por volta das 8h30 da manhã de sábado, 03 de outubro de 2015, véspera da Procissão do Padroeiro do lugar, e percebi alguns canteiros centrais repletos de entulhos (restos de construção civil e até um jogo de sofás) mexendo com a estética e a beleza do centro urbano.

    ResponderExcluir
  2. A culpa por essa agressão ao meio ambiente é de quem? É da prefeitura que não usa seu poder de polícia para coibir esse abuso causado por alguns moradores.

    ResponderExcluir