domingo, abril 02, 2017

Lajes Pintadas: empresário desiste de ofertas de emprego por falta de procura





















O país chega a 13,5 milhões de desempregados e a previsão é que esse percentual ainda vai piorar e o desemprego só deve começar a cair no fim do ano. Enquanto não houve uma retomada consciente da economia os empresários não pretendem voltar a contratar.

Em Lajes Pintadas, está acontecendo justamente o contrario. Um empresário abriu 6 vagas de emprego numa fábrica de confecções e findou desistindo da oferta por não haver procura. Então, pelo visto ninguém que trabalhar, e olhe que essa mesma empresa capacitou há alguns meses mais de cem pessoas, e apenas quatro delas procuram a empresa para ocupar as vagas. É mole, ou quer mais?







5 comentários:

  1. Nota

    O administrador do DL teve que remover todos os comentários anônimos desta postagem. Pelo fato de haver diversas agressões verbas não permitidas pelo Blog!

    ResponderExcluir
  2. FIM DO IMPÉRIO.
    Aquilo que um dia foi motivo de orgulho, besteira e vaidade, chegou ao fim.
    Agora, tudo se resume numa ruma de ferro velho e cadeiras com as pernas para o ar.
    Triste fim do império.

    ResponderExcluir
  3. Dizia minha avó materna, Maria Joaquina, que ‘’DEPOIS DA ONÇA MORTA TODO MUNDO METE O PAU’’.

    ResponderExcluir
  4. Paraíso pra funcionário meu caro,é salário em dias e respeito. HIPÓCRITA

    ResponderExcluir
  5. Conheço poucos parentes em linha de ascendência direta. Pra começo de tudo isso eu nasci filho da puta. Não conheço meu pai, meus avós paternos. Só minha mãe, meus avós e bisavós maternos.
    Quando eu era criança pequena lá em Quixeramobim, no meu velho e bom Ceará, ouvia meu avô dizer entre um e outro trago no cigarro de palha que ‘’É COM O ANDAR DA CARROÇA QUE AS MELANCIAS SE AJEITAM’’.

    ResponderExcluir