sábado, dezembro 17, 2016

Lajes Pintadas: animais continuam sendo soltos nas ruas





















Apesar das normas impetradas pelo Ministério Público do RN para retirada de currais e animas do perímetro urbano de Lajes Pintadas-RN, no entanto, os criadores parecem desconhecê-las e, estão soltando cada vez mais os animais nas ruas.

É como diz alguns amigos meu: ô Laginha diferente, hein?






7 comentários:

  1. Aí estão bem visíveis os sinais inequívocos da decadência e do abandono em que se encontra a Lajes Pintadas de João Francisco Borges.
    Lamentavelmente, a cidadezinha está entregue às baratas e aos burros e cavalos. É a derrocada do império de dose anos de muita farra.
    A recomendação do douto representante do Ministério Público ainda não produziu os efeitos que o caso requer, porque o governo municipal que detém o poder de polícia faz vista grossa e não toma as providências cabíveis.

    ResponderExcluir
  2. Perdão pelo erro de digitação. Leia-se: doze anos (do número 12), e não dose (porção de bebida) anos.

    ResponderExcluir
  3. Não tenho absolutamente nada contra esses ilustres ruminantes. Por esses quadrúpedes, tenho profunda admiração e respeito. Esses animais contribuíram na construção de açudes e rodovias, e ajudaram no transporte de alimentos e de outros produtos. Mas entendo que a praça pública não se constitui no lugar adequado para a convivência de burros de quatro pés.

    ResponderExcluir
  4. Prefiro ver na praça pública os inofensivos burros de quatro patas que os jegues ladrões de chão de casa, da merenda escolar, do leite do governo...

    ResponderExcluir
  5. O lixão exposto nas vielas, ruas, praças e canteiros centrais da cidade de Lajes Pintadas, no interior do Rio Grande do Norte, é o melhor presente de Natal e Ano Novo, para a população sofrida, desassistida e violentada pelo descaso do governo municipal. Triste fim.

    ResponderExcluir
  6. Burro tudo bem, mas lixão não se vê isso por aí não. Faz tempo que esse inconveniente desapareceu do cenário local. Acho que você está inteiramente desinformado e, por isso, sugiro procurar uma lavagem de roupa em outra paragem, porque aqui não dá, aqui não dá, aqui não dá.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você diz aí e, logo em seguida, aqui. O que é isso, hein?

      Excluir