quinta-feira, dezembro 01, 2016

Falta de combustível causou queda de avião, diz aviação civil colombiana























IG –  "Pane seca". Esta foi a causa da queda do avião RJ-85 da LaMia, que caiu em Medellín, na Colômbia, e provocou a morte de 71 pessoas, entre jogadores, comissão técnica e dirigentes da Chapecoense, jornalistas, convidados e tripulantes e feriu outras seis. Segundo o coronel Freddy Bonilla, secretário de segurança aérea da Colômbia, a aeronave voava com menos combustível do que o mínimo exigido pela lei.

Bonilla ressaltou que a pane elétrica reportada pelo piloto do avião foi originada pela falta de combustível, já que as turbinas, fontes de energia elétrica, pararam de funcionar com o tanque vazio. Estas primeiras conclusões partem de que não havia nenhuma gota de combustível nos destroços e pelas conversas entre a torre de controle e o avião que carregava os jogadores da Chapecoense, que fariam a primeira final da Copa Sul-Americana. Confira a matéria completa AQUI




Nenhum comentário:

Postar um comentário