quinta-feira, novembro 17, 2016

Mulher de Cunha é é investigada por gastos com cartão no Brasil


O Globo destaca que a jornalista Cláudia Cruz, mulher do deputado cassado Eduardo Cunha, vai depor nesta quarta-feira ao juiz Sérgio Moro na ação em que é ré por lavagem de dinheiro, caso que trata das despesas feitas pela jornalista no exterior e de sua conta na Suíça. O depoimento não trata da movimentação financeira no Brasil


O inquérito que apura a origem do dinheiro que abastece o cartão de crédito de Cláudia Cruz no Brasil está sob sigilo de Justiça. A investigação também trata de um empréstimo de Francisco Oliveira da Silva, no valor de R$ 250 mil, que teria sido feito para Cláudia Cruz em 2008 e ainda não foi pago. Em depoimento, a jornalista disse desconhecer a operação. Do Blog do Xerife! 



2 comentários:

  1. ‘’O FASCISTA fala o tempo todo em corrupção. Fez isso na Itália em 1922, na Alemanha em 1933, e no Brasil em 1964. Ele acusa, insulta e agride como se fosse puro e honesto. Mas o fascista é apenas criminoso comum, um SOCIOPATA que faz carreira na política.
    No poder, essa direita não hesita em torturar, estuprar e roubar sua carteira, sua liberdade e seus direitos. Mais do que a corrupção, o fascista pratica a MALDADE.’’
    (Norberto Bobbio – Filósofo, jurista e pensador italiano socialista liberal, 2003).

    ResponderExcluir
  2. Haja farra!
    Um prato de comida e uma caneca de vinho são o preço de cada voto para aprovação da PEC 55.
    É bom que se diga que a PEC 241 e a PEC 55 são a mesma praga e a mesma maldade.

    ResponderExcluir