segunda-feira, setembro 12, 2016

Eleições 2016: faltam apenas 20 dias para os lajespintadenses irem às urnas

Faltam exatamente 20 dias para os eleitores de todo país irem as urnas escolher os seus representantes pelos os próximos 4 anos.  Em Lajes Pintadas-RN, ao todo são 3 candidatos a prefeito e 36 candidatos a vereador e, diga-se de passagem, estão praticamente todos eles deferidos pela Justiça Eleitoral. Segundo a 68ª Zona Eleitoral estão aptos a votar 5.073 eleitores nas eleições municipais deste ano. 





2 comentários:

  1. JOSUÉ DE CASTRO E SILVA13 de setembro de 2016 13:59

    DÍVIDAS DE CAMPANHA E AGIOTAS.

    Bate-papo ouvido ainda há pouco entre dois senhores no interior da loja de conveniência do Posto São Luiz II, na Avenida Prudente de Morais, esquina com a Avenida Miguel Castro, no bairro de Lagoa Nova, falava sobre a prisão do prefeito de uma cidade do Agreste Potiguar, ocorrida na manhã de hoje, terça-feira (13), sob a acusação de conluio e envolvimento com fraudes em licitação e desvio de recursos públicos para saldar GASTOS DE CAMPANHA e DÍVIDAS COM AGIOTAS.

    Alguns prefeitos são sempre vistos de dia e de noite na companhia de ‘’famosos’’ AGIOTAS. Lamentavelmente essas autoridades municipais são controladas e obedientes às ordens dos AGIOTAS. A situação é muito grave desesperadora. O fim de muitos políticos é rodeado de tristeza.

    EDUARDO CUNHA (PMDB-RJ) perdeu o mandato de deputado federal, no final da noite de ontem (12), em sessão realizada da Câmara dos Depurados, por 450 votos contra e 10 a favor. Nove dos seus pares se abstiveram de votar. Cadê os ‘’amigos’’ de CUNHA? Resumiram-se em apenas dez deputados.

    Nunca é demais relembrar o ex-governador CORTEZ PEREIRA, quando recebia em sua casa uma visita, regando o bate-papo com vinho. Indagado sobre bônus e ônus do poder, lembrava: ‘’NO ÚLTIMO ANO DE GOVERNO, MEU ANIVERSÁRIO FOI UMA MULTIDÃO. NO SEGUINTE À MINHA SAÍDA, ÉRAMOS APENAS EU E MINHA MULHER AQUI EM CASA.’’

    ResponderExcluir
  2. O Professor Cortez Pereira no fim do governo dele ainda tinha a companhia de Dona Aída Ramalho Cortez Pereira, sua esposa e companheira de todas as horas. Muitos e outros políticos perdem tudo – até a mulher - ainda no meio do caminho antes mesmo de chegar ao fim do governo, ou de qualquer cargo público de natureza eletiva que ocupem nas três esferas de governo. Cortez era um homem feliz.

    ResponderExcluir